3º Prêmio Yan Michalski :: Revista Ensaia

14 de maio de 2016 admin Premiados 0 Comentários
Tá faltando o crédito da foto. Alguém sabe?
Tá faltando o crédito da foto. Alguém sabe?

3º Prêmio Yan Michalski

Então mudamos a maneira de fazer o Prêmio Yan Michalski. Decidimos, pelo menos por enquanto, que não vamos mais separar as categorias e procurar pelas indicações e premiações que se encaixam nessas pré-determinações. É claro que já estamos sentindo falta da emoção da torcida, que tanto vibrou a arena do Espaço Sesc no ano passado.

Mas é que temos uma crise com relação às categorias. Não pensamos o teatro pelos méritos individuais, então temos que fazer um exercício imenso para destacar umas coisas das outras. Mas o trabalho que dá não é a questão. A questão é que o nosso trabalho é outro. Sentimos que precisamos olhar para as obras, para os projetos e para as realizações, mais que para as tecnicalidades. Principalmente se estamos tratando de um teatro em formação, que não tem a devida autonomia de produção para explorar suas linguagens mais autorais.

Tendo em vista que o Prêmio Yan Michalski é um prêmio de uma revista, entendemos que já estava na hora de lançar o olhar para este belo projeto que é a Revista Ensaia, que recebe agora o 3º Prêmio Yan Michalski. Nós, como eles, viemos do curso de Teoria do Teatro da UNIRIO, que hoje se chama Estética e Teoria do Teatro. Nós, da Questão de Crítica, encontramos inspiração e exemplo na revista Ensaio/Teatro, projeto do Yan Michalski – não à toa esse prêmio carrega o nome dele: queremos levar adiante o seu legado – assim como nos inspiramos com a Folhetim, do Teatro do Pequeno Gesto e da Fátima Saadi, que foi aluna do Yan.

Aos poucos e a cada geração, vamos nos juntando para assumir a responsabilidade sobre o que se fala e sobre como se fala sobre teatro. Identificamos na iniciativa da Revista Ensaia um gesto afetuoso de teatro, bem como um trabalho consequente de autoformação e de diálogo com o teatro do seu tempo.

Por isso escolhemos essa iniciativa para receber a premiação desse ano de 2016, mesmo que o projeto ainda esteja nos seus primeiros anos. Como tudo no teatro que se faz no Brasil, precisamos de muito fôlego, desde o início –sobretudo no início. Identificando nossos pares e as redes que formamos nas raízes dos nossos projetos, quem sabe não conseguimos multiplicar as fontes de oxigênio?

 

Com amor,

Equipe Questão de Crítica

Revista Ensaia – Ana Cecília Reis, Diego Reis, Mayara Yamada, Raquel Tamaio, Rodrigo Carrijo

Os premiados | 5º Prêmio Questão de Crítica

14 de maio de 2016 admin Premiados 0 Comentários

Prêmio Questão de Crítica 2016

Os premiados | 5º Prêmio Questão de Crítica 

Ator

Renato Carrera por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Atriz

Carolina Virgüez por Caranguejo Overdrive

Cenografia

Pedro Paulo de Souza por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Direção

Marco André Nunes por Caranguejo Overdrive

Direção de movimento / Preparação corporal / Coreografia

Tatiana Tibúrcio por Salina – A última vértebra

Direção musical / Trilha sonora original

Mauricio Chiari e Felipe Storino por Caranguejo Overdrive

Dramaturgia

Álamo Facó por Mamãe

Figurino

Antonio Guedes por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Iluminação

Nadja Naira por Krum

Elenco

Cris Larin, Danilo Grangheia, Edson Rocha, Grace Passô, Inez Viana, Ranieri Gonzalez, Renata Sorrah, Rodrigo Bolzan, e Rodrigo Ferrarini por Krum

Especial

Bia Radunsky pela curadoria de teatro e dança do Espaço Sesc de 2002 a 2015

Espetáculo

Projeto brasil

Indicados ao 5º Prêmio Questão de Crítica

10 de abril de 2016 admin Indicados Tags: 0 Comentários

Ator

Guilherme Miranda por Otto Lara Resende ou Bonitinha mas ordinária
Leonardo Netto por A Santa Joana dos Matadouros
Marcelo Olinto por Sexo neutro
Renato Carrera por O homossexual ou A dificuldade de se expressar
Rodrigo Bolzan por Projeto brasil
Silvero Pereira por BR-Trans

Atriz

Carolina Virgüez por Caranguejo Overdrive
Elisa Pinheiro por Otto Lara Resende ou Bonitinha mas ordinária
Giovana Soar por Projeto brasil
Sara Antunes por Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos

Cenografia

Aurora Dos Campos por Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos
Bia Junqueira por A Santa Joana dos Matadouros
Daniela Thomas e Camila Schmidt por Hora amarela
Fernando Marés por Projeto brasil
Mina Quental por Infância, tiros e plumas
Pedro Paulo de Souza por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Direção

Fabiano de Freitas por O homossexual ou A dificuldade de se expressar
Isabel Penoni por Eles não usam tênis naique
Jezebel de Carli por BR-Trans
Marcio Abreu por Krum
Marcio Abreu por Projeto brasil
Marco André Nunes por Caranguejo Overdrive

Direção de movimento / Preparação corporal / Coreografia

Marcia Rubin por Krum
Marcia Rubin por Projeto brasil
Tatiana Tibúrcio por Salina – A última vértebra

Direção musical / Trilha sonora original

Felipe Storino por Krum
Felipe Storino por Projeto brasil
Luís Filipe Lima pela direção musical e Nei Lopes trilha sonora original de Bilac vê estrelas
Mauricio Chiari e Felipe Storino por Caranguejo Overdrive

Dramaturgia

Álamo Facó por Mamãe
Giovana Soar, Marcio Abreu, Nadja Naira, Rodrigo Bolzan por Projeto brasil
João Cícero por Sexo neutro
Pedro Kosovski por Caranguejo Overdrive

Figurino

Ana Teixeira e Stephane Brodt por Salina – A última vértebra
Antonio Guedes por O homossexual ou A dificuldade de se expressar
Carol Lobato por Kiss me Kate

Iluminação

Alessandro Boschini por Estamos indo embora
Maurício Fuziyama por Brasil Subterrâneo I – A escada de Jacó
Nadja Naira por Krum
Paulo Cesar Medeiros por A Santa Joana dos Matadoruros
Renato Machado por O homossexual ou A dificuldade de se expressar
Tomás Ribas por Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos

Elenco

Geandra Nobre, Jaqueline Andrade, Phellipe Azevedo, Rodrigo Souza e Wallace Lino por Eles não usam tênis naique
Cris Larin, Danilo Grangheia, Edson Rocha, Grace Passô, Inez Viana, Ranieri Gonzalez, Renata Sorrah, Rodrigo Bolzan, e Rodrigo Ferrarini por Krum

Especial

Bia Radunsky pela curadoria de teatro e dança do Espaço Sesc de 2002 a 2015

Centro Cultural Banco do Brasil pela realização, Hélio Eichbauer pela curadoria da exposição e Sérgio de Carvalho pela curadoria da Mostra Paralela da mostra multimídia Augusto Boal

Christiane Jatahy pela direção da ópera Fidelio

Editora Cobogó, Acción Cultural Española e TEMPO_FESTIVAL pela Coleção Dramaturgia Espanhola

Eryk Rocha pela Direção audiovisual de Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos

Luiz Fernando Ramos pelo livro Mímesis performativa – A margem de invenção possível (Annablume, 2015)

Espetáculo

BR-Trans
Caranguejo Overdrive
Krum
O homossexual ou A dificuldade de se expressar
Projeto brasil

 

Comissão julgadora: Daniel Schenker, Daniele Avila Small, Dinah Cesare, Mariana Barcelos, Patrick Pessoa, Paulo Mattos, Renan Ji, Viviane da Soledade.
Colaboração no primeiro semestre: Dâmaris Grün
Coordenação geral: Daniele Avila Small

A premiação vai ser em maio de 2016!

Indicados do 2° semestre de 2015 ao 5° Prêmio Questão de Crítica

15 de janeiro de 2016 admin Indicados Tags: 0 Comentários

Indicados do 2° semestre de 2015 ao 5° Prêmio Questão de Crítica

Ator
Leonardo Netto por A Santa Joana dos Matadoutros
Rodrigo Bolzan por Projeto brasil
Silvero Pereira por BR-Trans

Atriz
Giovana Soar por Projeto brasil
Sara Antunes por Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos

Cenografia
Aurora Dos Campos por Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos
Fernando Marés por Projeto brasil
Bia Junqueira por A Santa Joana dos Matadouros

Direção
Isabel Penoni por Eles não usam tênis naique
Jezebel de Carli por BR-Trans
Marcio Abreu por Projeto brasil

Direção de movimento / Preparação corporal / Coreografia
Marcia Rubin por Projeto brasil

Direção musical / Trilha sonora original
Felipe Storino por Projeto brasil

Dramaturgia
Álamo Facó por Mamãe
Giovana Soar, Marcio Abreu, Nadja Naira, Rodrigo Bolzan por Projeto brasil

Figurino
Carol Lobato por Kiss me Kate

Iluminação
Tomás Ribas por Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos
Paulo Cesar Medeiros por A Santa Joana dos Matadoruros
Maurício Fuziyama por Brasil Subterrâneo I – A escada de Jacó

Elenco
Eles não usam tênis naique

Especial
Eryk Rocha pela Direção audiovisual de Guerrilheiras ou Para a terra não há desaparecidos
Luiz Fernando Ramos pelo livro Mímesis performativa – A margem de invenção possível (Annablume, 2015)
Editora Cobogó, Acción Cultural Española e TEMPO_FESTIVAL pela Coleção Dramaturgia Espanhola

Espetáculo
Projeto brasil
BR-Trans

Comissão julgadora: Daniel Schenker, Daniele Avila Small, Dinah Cesare, Mariana Barcelos, Patrick Pessoa, Paulo Mattos, Renan Ji, Viviane da Soledade.
Coordenação geral: Daniele Avila Small

5º Prêmio Questão de Crítica :: Indicações do primeiro semestre de 2015

20 de julho de 2015 admin Indicados Tags:, , , ,

5º Prêmio Questão de Crítica
Indicações do primeiro semestre de 2015

Ator
Guilherme Miranda por Otto Lara Resende ou Bonitinha mas ordinária
Marcelo Olinto por Sexo Neutro
Renato Carrera por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Atriz
Carolina Virgüez por Caranguejo Overdrive
Elisa Pinheiro por Otto Lara Resende ou Bonitinha mas ordinária

Cenografia
Daniela Thomas e Camila Schmidt por Hora amarela
Mina Quental por Infância, tiros e plumas
Pedro Paulo de Souza por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Direção
Fabiano de Freitas por O homossexual ou A dificuldade de se expressar
Marcio Abreu por Krum
Marco André Nunes por Caranguejo Overdrive

Direção de movimento/Preparação corporal/Coreografia
Marcia Rubin por Krum
Tatiana Tibúrcio por Salina – A última vértebra

Direção musical/Trilha sonora original
Felipe Storino e Mauricio Chiari por Caranguejo Overdrive
Felipe Storino por Krum
Luís Filipe Lima pela direção musical e Nei Lopes trilha sonora original de Bilac vê estrelas

Dramaturgia
João Cícero por Sexo neutro
Pedro Kosovski por Caranguejo Overdrive

Figurino
Ana Teixeira e Stephane Brodt por Salina – A última vértebra
Antonio Guedes por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Iluminação
Alessandro Boschini por Estamos indo embora
Nadja Naira por Krum
Renato Machado por O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Elenco
Cris Larin, Danilo Grangheia, Edson Rocha, Grace Passô, Inez Viana, Ranieri Gonzalez, Renata Sorrah, Rodrigo Bolzan, e Rodrigo Ferrarini por Krum

Especial
Bia Radunsky pela curadoria de teatro e dança do Espaço Sesc de 2002 a 2015
Centro Cultural Banco do Brasil pela realização, Hélio Eichbauer pela curadoria da exposição e Sérgio de Carvalho pela curadoria da Mostra Paralela da mostra multimídia Augusto Boal
Christiane Jatahy pela direção da ópera Fidelio

Espetáculo
Caranguejo Overdrive
Krum
O homossexual ou A dificuldade de se expressar

Comissão julgadora: Dâmaris Grün, Daniel Schenker, Daniele Avila Small, Dinah Cesare, Mariana Barcelos, Patrick Pessoa, Paulo Mattos, Renan Ji, Viviane da Soledade.
Coordenação geral: Daniele Avila Small

Premiados em 2015!

9 de abril de 2015 admin Premiados 0 Comentários

panidrom
Foto: Raphael Cassou

PRÊMIO YAN MICHALSKI
Espetáculo: Panidrom da UFRJ
Direção: Julia Gorman por Afeta-me agora ou desaparecerei com o tempo, da UFRJ
Atriz: Laura Mollica por Yerma, da CAL
Ator: Davi Palmeira por Rinocerontes, da UFRJ
Categoria Especial: José Ricardo Neto e João Werneck, da UniRio pela trilha e arte sonora de Rinocerontes, da UFRJ

PRÊMIO QUESTÃO DE CRÍTICA
Categoria Especial: Carolina Virgüez pelas traduções das peças publicadas no livro Teatro Contemporáneo Brasileño
Figurino: Marcelo Marques por Edypop
Iluminação: Beto Bruel por Beije minha Lápide
Cenografia: Fernando Mello da Costa por Vianninha conta O último combate do homem comum
Direção Musical / Trilha Sonora Original: Otávio Ortega e Lucas Santtana por O Duelo
Direção: Christiane Jatahy por E se elas fossem para Moscou?
Dramaturgia: Pedro Kosovski por Edypop
Ator: Cândido Damm por Vianninha conta O último combate do homem comum
Atriz: Yara de Novaes por Contrações
Elenco: O Duelo – Aury Porto, Camila Pitanga, Carol Badra, Fredy Állan, Guilherme Calzavara, Otávio Ortega, Pascoal da Conceição, Rafael Matede, Sergio Siviero, Vanderlei Bernardino e Victor Gally
Espetáculo: E se elas fossem para Moscou?

Indicados do 2° semestre de 2014 ao 4° Prêmio Questão de Crítica

8 de fevereiro de 2015 admin Indicados, Prêmio Tags: 0 Comentários

CATEGORIA ESPECIAL

1º semestre

Bruce Gomlevsky pelas escolhas dramatúrgicas com a Cia Teatro Esplendor

Cia PeQuod pela pesquisa de movimento para a peça Peh Quod Deux

Heloísa Lyra de Bulcão pela pesquisa publicada no livro Luiz Carlos Ripper – Para além da cenografia.

2º semestre

APTR pela realização da Campanha Teatro Para Todos

Carolina Virgüez pelas traduções das peças publicadas no livro Teatro Contemporáneo Brasileño

Lenise Pinheiro pelo livro Teatro Oficina

 

CENOGRAFIA

1º semestre

André Cortez por Contrações

J. C. Serroni por Sacco e Vanzetti

Laura Vinci por O duelo

2º semestre

Daniela Thomas por Beije minha lápide

​Fernando Mello da Costa por Vianninha conta O último combate do homem comum

Janaina Leite e Alexandre Dal Farra por Conversas com meu pai

 

ILUMINAÇÃO

1º semestre

Guilherme Bonfanti por O duelo

João Gioia e Wagner Azevedo por Cidadela

2º semestre

Beto Bruel por Beije minha lápide

​Tomás Ribas por​ Trágica 3

 

FIGURINO

1º semestre

Diogo Costa por O duelo

Marcelo Marques por Edypop

2º semestre

Camila Nuñez por Nossa cidade

 

DIREÇÃO MUSICAL / TRILHA SONORA ORIGINAL

1º semestre

Dr. Morris por Contrações

Felipe Storino por Edypop

Otávio Ortega e Lucas Santtana por O duelo

2º semestre

Botika e Cia dos Outros por A pior banda do mundo

Marcelo Alonso Neves por Blackbird

 

DRAMATURGIA

1º semestre

Emanuel Aragão por Eu, o Romeu e a Julieta

Pedro Kosovski por Edypop

2º semestre

Alexandre Dal Farra por Conversas com meu pai

 

DIREÇÃO

1º semestre

Christiane Jatahy por E se elas fossem para Moscou?

Georgette Fadel por O duelo

Grace Passô por Contrações

2º semestre

Aderbal Freire-Filho por Vianninha conta O último combate do homem comum

Bel Garcia por Beije minha lápide

Inez Viana por O que você vai ver

 

ATOR

1º semestre

Henrique César por 12 homens e uma sentença

Pascoal da Conceição por O duelo

2º semestre

Cândido Damm por Vianninha conta O último combate do homem comum

Leopoldo Pacheco por Depois do Ensaio

 

ATRIZ

1º semestre 

Debora Lamm por Cock

Isabel Teixeira por E se elas fossem para Moscou?

Yara de Novaes por Contrações

2º semestre

Ana Beatriz Nogueira por Uma relação pornográfica

Nathalia Timberg por Tríptico Samuel Beckett 

 

ESPETÁCULO

1º semestre

Contrações

E se elas fossem para Moscou?

O duelo

2º semestre

Beije minha lápide

Tríptico Samuel Beckett

Vianninha conta O último combate do homem comum

 

ELENCO

1º semestre 

O duelo: Aury Porto, Camila Pitanga, Carol Badra, Fredy Állan, Guilherme Calzavara, Otávio Ortega, Pascoal da Conceição, Rafael Matede, Sergio Siviero, Vanderlei Bernardino e Victor Gally.

Festa de família / O funeral: Bruce Gomlevsky, Carolina Chalita, Felipe Cabral, Glauce Guima, Gustavo Damasceno, Jaime Leibovitch, João Lucas Romero, Luiz Felipe Lucas, Luiza Maldonado, Raul Guaraná, Ricardo Ventura, Silvio Matos, Sofia Viamonte, Thalita Godoi, Thiago Guerrante, Xuxa Lopes.

2º semestre

A pior banda do mundo: Amanda Lyra, Carolina Bianchi, Clayton Mariano, Tomás Decina e Pedro Cameron

Vianninha conta O último combate do homem comum: Ana Barroso, Ana Velloso, Bella Camero, Beth Lamas, Cândido Damm, Gillray Coutinho, Isio Ghelman, Kadu Garcia, Lorena da Silva, Luisa Arraes, Paulo Giardini, Rodrigo Penna e  Vera Novello.

 

Indicados ao Prêmio Yan Michalski:

http://questaodecritica.com.br/premioqdc/indicados-2premio-yanmichalski/

Conheça a revista Questão de Crítica:

http://www.questaodecritica.com.br/

 

 

Indicados ao 2º Prêmio Yan Michalski para o Teatro em Formação

22 de janeiro de 2015 admin Indicados 0 Comentários

 

Categoria Especial

Luna Jatobá, da UFRJ, pela cenografia e pesquisa de ocupação de espaço por Panidrom, da UFRJ

José Ricardo Neto e João Werneck, da Unirio, pela trilha e arte sonora de Rinocerontes, da UFRJ

Uirá Clemente, da UFRJ, pela direção de arte de Afeta-me agora ou desaparecerei com o tempo, da UFRJ

 

Categoria Ator

Bruno Tasca por Noises Off, da CAL – Casa das Artes de Laranjeiras

Davi Palmeira por Rinocerontes, da UFRJ

João Rafael Schuler por Escuroclaro, da Faculdade CAL de Artes Cênicas

 

Categoria Atriz

Julia Tavares por Noises Off, da CAL – Casa das Artes de Laranjeiras

Laura Mollica por Yerma, da CAL – Casa das Artes de Laranjeiras

 

Categoria Direção

Julia Gorman por Afeta-me agora ou desaparecerei com o tempo, da UFRJ

João Pedro Orban por Panidrom, da UFRJ

Luiza Rangel por Rinocerontes, da UFRJ

 

Categoria espetáculo

Afeta-me agora ou desaparecerei com o tempo, da UFRJ

Yerma, da CAL – Casa das Artes de Laranjeiras

Panidrom, da UFRJ

 

OBS: Concorrem espetáculos de formatura realizados em 2014 em faculdades e cursos de formação profissional em Artes Cênicas. Alunos de outros cursos de artes que integram a ficha técnica dos espetáculos podem concorrer nas categorias individuais. Professores, diretores convidados, outros profissionais que colaborem com a montagem e alunos formados não concorrem.

A premiação vai ser realizada na segunda semana de abril de 2015.

Comissão julgadora: Andrea Santiago, Dâmaris Grün, Daniele Avila Small, Renan Ji e Ricardo Libertini.

Coordenação geral: Dâmaris Grün e Daniele Avila Small.

Acompanhe

Questão de Crítica

A Questão de Crítica – Revista eletrônica de críticas e estudos teatrais – foi lançada no Rio de Janeiro em março de 2008 como um espaço de reflexão sobre as artes cênicas que tem por objetivo colocar em prática o exercício da crítica. Atualmente com quatro edições por ano, a Questão de Crítica se apresenta como um mecanismo de fomento à discussão teórica sobre teatro e como um lugar de intercâmbio entre artistas e espectadores, proporcionando uma convivência de ideias num espaço de livre acesso.